Fiscalização apreende 700 litros de leite in natura impróprio para consumo

Imagem: Reprodução

Barreira sanitária realizada na manhã desta terça-feira, 28, na RN 117, altura do Posto da Polícia Rodoviária Estadual, pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM), em conjunto com o Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária (Idiarn), Secretaria de Estado da Tributação do Rio Grande do Norte (SET/RN) e Guarda Civil Municipal (GCM), apreendeu 700 litros de leite in natura impróprio para consumo.

A equipe do SIM informou que o leite estava sendo transportado fora da temperatura de refrigeração. A medida implica risco sanitário ao consumidor pelo fato de ser produto perecível com rápida proliferação de bactérias e contaminantes.

Além disso, não há nenhuma fiscalização na obtenção desse leite, na ordenha das vacas, questão de higiene e manipulação no momento de ordenha. O produto apreendido foi descartado no Aterro Sanitário.

Os veículos eram interceptados e verificados se estavam transportando produtos de origem animal sem registro no órgão oficial de inspeção. Ainda durante a barreira sanitária, a equipe parou um veículo que estava transportando produtos de origem animal também fora da temperatura de refrigeração. Ele foi autuado e os produtos encaminhados novamente à distribuidora.