Idema realiza nova expedição para remover espécie de corais invasora no litoral do RN

Imagem: Erika Beux

Em iniciativa pioneira no estado, o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Idema) juntamente com um grupo de pesquisadores, realizará a partir da próxima semana, do dia 31 de maio a 03 de junho, a segunda operação de remoção do Coral-sol, identificado na Área de Proteção Ambiental Recifes de Corais (APARC). O coral-sol é uma espécie invasora, que coloniza ambientes marinhos e pode impedir o crescimento de espécies nativas.

A nova expedição terá o objetivo de continuar o trabalho de retirada da espécie que compromete o ambiente marinho nativo. Na primeira atividade, foram retiradas 60% das colônias, totalizando 1.500 e cerca de 1.000 fragmentos de coral-sol na área afetada.

A atividade será realizada pelo Idema, por meio do Núcleo de Gestão de Unidades de Conservação (NUC), em parceria com a Fundação para o Desenvolvimento Sustentável da Terra Potiguar (Fundep), a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e a empresa de mergulho CCR-Brazil