Prefeitura de Mossoró prepara matrículas 100% on-line na rede municipal de ensino

Imagem: Allan Phablo

O processo de modernização da gestão pública em implantação pela Prefeitura de Mossoró alcança a rede municipal de ensino, que se adequa para ofertar matrículas no formato 100% on-line já a partir do próximo ano letivo, através do Sistema Integrado de Gestão da Educação (SIGEduc). Conforme planejamento do Poder Executivo, todas as escolas e Unidades de Educação Infantil (UEIs) passarão a realizar as matrículas dos alunos por meio do SIGEduc, sem a necessidade dos pais comparecerem presencialmente aos equipamentos de ensino.

“Estamos trabalhando diuturnamente para transformar essa realidade há tempos enfrentada pelos pais dos alunos da rede municipal, que muitas vezes, para garantir a vaga do seu filho, tiveram que dormir em frente às escolas e UEIs. Isso não pode e não deve mais acontecer. O processo de implantação das matrículas 100% on-line já está bem encaminhado, podemos afirmar, inclusive, que já não é mais um sonho, é algo concreto que em breve será efetivado”, destaca a professora Hubeônia Alencar, titular da Secretaria Municipal de Educação, explicando ainda que, para os pais que tiverem dificuldade no acesso à internet, as escolas e Unidades de Educação Infantil da rede serão disponibilizadas como ponto para efetivação das matrículas no formato virtual.

“É um marco, um verdadeiro divisor de águas no formato de registro escolar. Hoje ainda temos matrículas feitas manualmente, o que é impensável diante do avanço digital que vivenciamos atualmente. Vamos ressignificar esse processo”, complementa Hélio Oliveira, coordenador de Registro e Inspeção Escolar da Secretaria Municipal de Educação.

A modernização da rede municipal passa também pela instalação de Pontos de Inclusão Digital, com internet banda larga sendo disponibilizada tanto nos equipamentos da zona urbana quanto da zona rural, e ainda pela implantação de novos laboratórios de informática. “São ações executadas em parceria com o Governo Federal, através de programas como o Nordeste Conectado, Wi-Fi Brasil, entre outros. É uma verdadeira revolução digital que estamos vivenciando, que trará reflexos extremamente positivos no processo de ensino-aprendizagem dos nossos alunos”, pontua a secretária.